In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player
Joomla! Slideshow

Menu

Newsletter

Cadastre-se em nossa Newsletter e receba novidades/promoções de nossa empresa.

Simple File Upload v1.3

Uploading...
Please Wait!
Choose a file to upload
 
Home PDF Imprimir E-mail

 

Clube Big Trails - 17 anos

No longínquo 8 de agosto de 2000, em Itaperuna, Rio de Janeiro, era criada, por Elton Guedes Rios, o Clube Big Trails.

Em 2002 fui convidado a fazer parte da Big, logo depois a ser moderador, junto com ele e meu xará Sidney Areias de Belo Horizonte. Nesse tempo éramos em aproximadamente 35 membros, escrevendo diariamente mensagens pela internet.

Com o passar do tempo fui assumindo cada vez mais meu papel de moderador e eles se distanciando, até desaparecerem de vez. O Elton acompanhava como coruja, prestava uma atenção danada, mas não dizia nada na lista, mas em PVT, me lembrava sempre que a Big era diferente das demais e que eu deveria manter a "ordem".

Entre a "cruz e a caveirinha", ou seja, entre o criador e as criaturas, às duras penas, tentava o mais diplomaticamente possível, conciliar, rigidez e maleabilidade.

Uma das tentativas para apaziguar os ânimos foi dar cara aos textos, ou seja, colocar frente à frente os encrenqueiros, para que se conhecessem pessoalmente e com isso tentar trazer mais harmonia ao grupo.

A intenção de reunir pessoalmente o grupo também foi porque já haviam se passado 2 anos da criação e nenhum encontro ocorrido.

Com a generosa organização do Fábio, fomos em julho de 2002, para o primeiro encontro em Floripa, junto com a Putolinos, lista da qual era oriundo alguns dos encrenqueiros que também faziam parte da nossa lista. Eles eram superamigos, gente do bem, muito inteligentes e bem-humorados, mas terríveis.

Às pressas, fiz as primeiras camisetas do clube, boladas pelo Elton, mas nunca confeccionadas. Pretas, sobre o coração, o escudo do Clube e no peito, Big Trails, bem grande. Atrás, o escudo enorme, circundando a parte inferior o lema "O Caminho da Liberdade". Na pressa saiu "O Caminho da Liberdade".

Depois desse pegamos gosto pela coisa e os encontros passaram a ser anuais, em todos os cantos do Brasil, Água Minas, 2 Delfinópolis, Rifaina, Conceição do Mato Dentro e 2 Tiradentes-MG, Pirenópolis e Brasília-DF, Canela-RS, Foz do Iguaçu e Guaratuba-PR, Corupá-SC, Eldorado-SP, 2 Mambucaba-RJ, sem contar com encontros regionais frequentes em Americana-SP, as 10 edições do Frango atropelado em Campinas-SP, por ocasião do meu aniversário em setembro, agora pelo terceiro ano consecutivo transferido para Tiradentes e outros, comemorando aniversários, bodas, homenagens póstumas, etc.

Com a minha ida para o Clube DR 800, começou um intercâmbio entre membros de ambos os grupos que perdura até os dias atuais, ao ponto de hoje, praticamente todos os membros de um Clube, fazerem parte do outro e participarmos dos encontros de ambos os grupos.

O Clube cresceu, as amizades e os encontros se multiplicaram, as encrencas também, natural. Depois de 9 anos me afastei da moderação para preservar amizades valiosas, pois ou se mantinha a "ordem" ou as amizades, optei pela segunda.

Mas o Clube continuou firme e forte, superando nomes, pessoas, moderação, criador e criaturas, crises e transformações. Hoje a lista de "e-mails' está com baixa frequência, já a de "zap zap" bombando e é lá onde tudo acontece. Sinal dos tempos.

O importante é que a Big Trails continua a ser depois de 17 anos, um canto onde pessoas fazem, mantém e reafirmam a cada dia, fortes laços de amizade, mesmo com eloquentes bate-bocas, o que faz parte da convivência de seres tão estranhos, como essa raça maravilhosa, que somos nós, os motociclistas.

Parabéns e vida longa a Big Trails, no seu décimo sétimo aniversário.

Sid 

 

Atendimento

LiveZilla Live Help

Redes Sociais